Governador anuncia editais para concursos da Polícia Militar do Espírito Santo

O governador do Estado, Renato Casagrande, assinou, nesta segunda-feira (06), três editais do concurso público para preencher 1.052 vagas em três quadros da Polícia Militar do Espírito Santo (PMES). Do total, 1.000 vagas serão para soldado combatente (QPMP-C), 30 para soldado auxiliar de saúde (QPMP-S) e mais 22 vagas para admissão para soldado músico (QPMP-M).

Os interessados devem ter, no mínimo, 18 anos na data de matrícula no Curso de Formação e, no máximo, 28 no primeiro dia de inscrição no concurso. Também devem possuir Ensino Médio completo e Carteira Nacional de Habilitação (CNH) categoria “B”. Para soldado auxiliar de saúde, é exigido ainda curso técnico nas áreas de Técnico em Saúde Bucal, Enfermagem, Veterinária, Farmácia e Laboratório.

“O edital será publicado amanhã [terça-feira, 07] com 1.052 vagas para Polícia Militar. A recomposição do efetivo é uma das ações do Governo do Estado dentro do Programa Estado Presente em Defesa da Vida no combate à criminalidade. O trabalho na área da Segurança Pública exige continuidade, persistência e responsabilidade. Por isso, estamos fazendo investimentos como esse, visando a queda nos índices de violência”, explicou o governador Casagrande.

O curso de formação de soldados é um Curso Superior de Tecnologia em Segurança Pública e tem a duração de 1.650 horas-aula. Durante o período de estudo o aluno soldado recebe subsídio mensal no valor de R$ 1.505,96, acrescido de R$ 300,00 (auxílio-alimentação). Após a conclusão do curso, com aproveitamento, o candidato é promovido a soldado PM, com rendimento mensal de R$ 3.735,79, além do auxílio-alimentação de R$ 300,00.

Os interessados em participar do concurso devem se inscrever de forma eletrônica, a partir das 10h desta terça-feira (07), no site www.institutoaocp.org.br. As inscrições se encerram no dia 07 de julho.

A seleção compreenderá as seguintes etapas: prova objetiva e redação (eliminatório e classificatório); entrega de documentação preliminar, aferição de idade (eliminatório e classificatório); exame de aptidão física (eliminatório); avaliação psicológica (eliminatório); prova prática de música (somente para cargo de soldado músico); investigação social (eliminatório); exames de Saúde, incluindo toxicológico (ambos eliminatórios); classificação final para fins de matrícula no curso de formação (classificatório e eliminatório), entrega de documentação final para candidatos classificados para matrícula no curso de formação, conforme turma (s) (eliminatório e classificatório), Curso de Formação de soldados (eliminatório e classificatório para fins de resultado final do concurso), e resultado final do concurso (classificatório com homologação de resultado do concurso). 

Ao todo, serão dez etapas para o concurso para soldado combatente e auxiliar de saúde e de 11 para soldado músico. A previsão é que concluídas as primeiras nove etapas, os candidatos comecem o curso de formação no primeiro semestre do ano de 2023.

No dia 14 de junho, a Polícia Militar abrirá inscrições para o quadro de oficiais de Saúde da Corporação. Serão 20 vagas para oficiais médicos (QOM); 20 para oficiais dentistas (QOD); 10 para oficiais enfermeiros (QOE); 05 para oficiais farmacêuticos bioquímicos (QOFB) e 02 para oficiais médicos veterinários (QOMV). Outras 02 vagas serão para oficiais músicos (QOMus).

“Essa é mais uma grande entrega para a nossa Polícia Militar. São mais de mil vagas dentro do processo de recomposição do efetivo da Instituição. Mostrando a sensibilidade e importância que o governador Renato Casagrande dá à Segurança Pública, dentro do programa Estado Presente. Esperamos seguir realizando esse trabalho importante que vem sendo feito nos últimos quatro anos”, pontuou o secretário de Estado da Segurança Pública, coronel Marcio Celante. 

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.