BANNER BANESTES

 

Governador anuncia quase R$ 150 milhões em novas obras de infraestrutura em Vila Velha

Berço da colonização do Espírito Santo, a cidade de Vila Velha completa 486 anos neste domingo (23) e vai receber quase R$ 150 milhões em novos investimentos do Governo do Estado em diversas áreas. O anúncio foi feito pelo governador Renato Casagrande, durante as comemorações da Colonização do Solo Espírito-santense, quando a Capital do Estado é transferida simbolicamente para o município canela-verde. A cidade está recebendo o maior volume de investimentos do Estado de sua história. São R$ 1,2 bilhão em obras de infraestrutura.

Pela manhã, o governador visitou as obras da Estação de Bombeamento de Águas Pluviais (EBAP) Foz do Costa, iniciadas em janeiro deste ano e que vão beneficiar 22 bairros de Vila Velha. Na sequência, Casagrande participou da inauguração de obras, ao lado da primeira-dama do Estado, Maria Virgínia Casagrande e do prefeito Arnaldinho Borgo, e de uma solenidade na Praça Tamandaré, na Prainha – local onde o primeiro donatário da Capitania do Espírito Santo aportou no dia 23 de maio de 1535 – para a transferência simbólica da Capital do Estado e a autorização para o início de obras de infraestrutura no município canela-verde.

“Estamos realizando o maior investimento em Vila Velha desde a chegada de Vasco Fernandes Coutinho. São R$ 1,2 bilhão de investimentos já contratados e que estão em andamento. É mais infraestrutura para melhorar a vida das pessoas. Assinamos hoje várias ordens de serviço para obras em galerias, estações de bombeamento para ajudar na fluidez das águas, construção de quadras poliesportivas, reforma de DPM e construção de pontes. Hoje, Vila Velha volta a ser Capital do Estado como reconhecimento da sua importância para todos nós capixabas”, afirmou o governador Casagrande.

O prefeito de Vila Velha destacou a parceria com o Governo do Estado para impulsionar o desenvolvimento do município. “Estamos fazendo uma festa belíssima hoje. É um dia para se comemorar. São 486 anos e o orgulho de ser capixaba nasceu aqui. Um dia de muitos investimentos da Prefeitura e do Governo do Estado. Graças ao nosso governador Renato Casagrande, a cidade de Vila Velha se transformou em um canteiro de obras”, declarou Arnaldinho Borgo.

Um dos importantes anúncios feitos pelo governador foi a autorização para o início da construção das Estações de Bombeamento de Águas Pluviais (EBAP’s) Laranja, Aribiri, Grande Cobilândia e Marinho. Também foi homologada a licitação para contratação das obras de construção de duas Galerias no bairro Cobilândia. Ao todo, serão investidos R$ 148.119.582,91 pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Saneamento, Habitação e Desenvolvimento Urbano (Sedurb).

“As obras de macrodrenagem de Vila Velha são desafiadoras, pois o governador Casagrande determinou prioridade absoluta nessas intervenções. No início de janeiro, iniciamos as obras da EBAP Foz do Costa. Com essas novas ordens de serviço, são mais de R$ 220 milhões em investimentos apenas nesta primeira fase, trazendo mais tranquilidade, conforto e qualidade de vida para mais de 200 mil moradores de Vila Velha, além da área de divisa com o município de Cariacica. Estamos tornando realidade aquilo que parecia tão difícil”, destacou o secretário de Estado de Saneamento, Habitação e Desenvolvimento Urbano, Marcus Vicente.

A EBAP Laranja auxiliará na drenagem das águas provenientes do Córrego Campo Grande e Rio Marinho, bem como as águas da Bacia do Guaranhuns, beneficiando os bairros da região da Grande Cobilândia, Jardim de Alah, Pontal das Garças, Nova Cobilândia, Sotelândia, Nova América, Pontal das Garças e Darly Santos. Já a EBAP Aribiri, auxiliará na drenagem das águas da bacia do Rio Aribiri, beneficiando os bairros de Primeiro de Maio, Santa Rita, Ilha da Conceição, Jardim Marilândia e Alvorada. A EBAP, será implantada na Avenida Jerônimo Monteiro, bairro Ilha da Conceição, próximo à ponte do Rio Aribiri.

A região da Grande Cobilândia vai receber um sistema de bombeamento de águas pluviais,  constituído pela Galeria Marilândia e pelas EBAP’s Cobilândia e Marilândia. As estações auxiliarão na drenagem das águas da bacia do Rio Aribiri, beneficiando a região da Grande Cobilândia, Alvorada, Alecrim, Primeiro de Maio, Santa Rita e Ilha da Conceição. A EBAP Cobilândia será implantada nas proximidades da Quinta Avenida e a EBAP Marilândia na Rua Demétrio Ribeiro.

Também serão contratadas obras de duas galerias projetadas na Grande Cobilândia. A primeira percorrerá as avenidas Pedro Gonçalves Laranja, João Francisco Gonçalves e Primeira Avenida e além de funcionar como reservatório de acumulação, também tem a função de transportar as águas de chuva para as EBAP´s Cobilândia e Marilândia. Evitando assim alagamentos na Avenida Carlos Lindenberg e na descida da 2ª Ponte, que afetam o trânsito entre Vitória e o Centro de Vila Velha. A outra galeria de macrodrenagem será executada nas ruas Fluviópolis e Brasilândia.

“O sistema de bombeamento vai minimizar os alagamentos causados pelas chuvas e beneficiará cerca de 261 mil moradores em Vila Velha. As EBAP’S poderão ser operadas remotamente por serem totalmente automatizadas, dando mais segurança à sua operação. Para evitar possíveis falhas de operação em épocas de chuva, as EBAP’S contam com sistema de geradores de energia a diesel, que são acionados automaticamente em caso de falta de energia”, acrescentou o secretário Marcus Vicente.

Durante a agenda oficial no município, o governador Casagrande autorizou o início das obras de reconstrução de duas pontes no município canela-verde. A ponte de Cobilândia vai contar com 15 metros de extensão e um investimento de R$ 1 milhão. O prazo para execução da obra é de 120 dias. Já a reconstrução da Ponte de Jardim Marilândia terá 12 metros de extensão e um investimento de R$ 635 mil, também com o mesmo prazo para execução.

No pacote de obras do Departamento de Edificações e de Rodovias do Espírito Santo (DER-ES), também foi dada Ordem de Serviço para a elevação do Dique do Rio Jucu. Esta importante ligação dos municípios de Vila Velha e Cariacica é necessária para a contenção do Rio Jucu para não atingir os bairros adjacentes com transbordamento. O dique está localizado a 200 metros do leito do Rio Jucu, iniciando na Rodovia do Sol e prosseguindo até a elevação próxima ao Rio Marinho.

Na área da segurança pública, o governador do Estado assinou a Ordem de Serviço para a obra de manutenção do Destacamento de Polícia Militar (DPM) do bairro Paul. A obra contará com serviços de substituição de piso e telhado, revisão elétrica e hidráulica, manutenção nos banheiros, pavimentação do pátio, implantação de calçada cidadã, bem como uma pintura geral. Serão investidos R$ 90 mil na reforma, que tem prazo de execução de 180 dias.

A educação também será contemplada com obras na Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio (EEEFM) Judith da Silva Góes Coutinho, localizada no bairro Ponta da Fruta. Com investimento de R$ 839,4 mil, a intervenção contempla a reforma do prédio escolar e construção do espaço esportivo coberto, além da revitalização do muro externo e a execução do novo sistema de abastecimento de água.

Na unidade, todos os ambientes receberão nova pintura em paredes e tetos, substituição das grades de proteção por brises tipo “colméia” de alumínio e das portas atualmente existentes por portas do padrão da Secretaria da Educação (Sedu). Já o espaço esportivo coberto terá estrutura metálica para sustentação de cobertura com telha termo acústica trapezoidal e fechamento vertical superior em telha metálica trapezoidal, gerando, assim, um conforto térmico maior para os estudantes, professores e comunidade escolar em geral.

Para o diretor presidente do DER-ES, Luiz Cesar Maretto Coura, esse pacote de obras é um marco importante para Vila Velha. “São obras importantes e necessárias para a cidade. É uma alegria poder realizar tantas benfeitorias no município em que nasci e cresci. Neste dia festivo, nada melhor do que presentear Vila Velha com avanços expressivos na infraestrutura da cidade. As equipes do DER não mediram esforços para elaborar projetos e obras de primeira qualidade para a população”, asseverou.

Também presente na agenda oficial, a vice-governadora Jacqueline Moraes comentou sobre as obras: “Existe a ideia de que a obra enterrada não é valorizada pelo político. O nosso governo rompe com isso e está priorizando, nestes 486 anos de Vila Velha, mais de R$ 1,2 bilhão em obras de infraestrutura e saneamento. O nosso presente é cuidar do humano e o esforço do Estado é para mudar a realidade da população canela-verde. A melhoria das condições de vida é a nossa meta permanente. Quando o governo se empenha nisso, ele consegue e dá resultados, como estamos mostrando agora para todo o Estado.”

Estiverem presentes ainda na solenidade, os secretários de Estado, Gilson Daniel (Governo), Vitor de Angelo (Educação) Coronel Aguiar (Casa Militar), Lenise Loureiro (Turismo) e Nara Borgo (Direitos Humanos); o deputado federal Neucimar Fraga; os deputados estaduais Dr. Hercules, Marcelo Santos e Rafael Favatto; além de vereadores, secretários municipais e lideranças do município.

Total
1
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *