Idaf intensifica fiscalização florestal com uso de drones no noroeste do Estado

O Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf) começou a utilizar dois drones para fiscalizar os fragmentos de Mata Atlântica da região noroeste do Estado. Os drones foram doados pelo Ministério Público do Espírito Santo (MPES), por meio da 11ª Promotoria de Justiça Civil de Colatina, que prevê a entrega de mais equipamentos ao longo deste ano.

Os drones têm câmeras de 48 megapixels, sendo possível realizar filmagens com resolução 4k e imagens panorâmicas, verticais e amplas.

“Conseguiremos mapear áreas remotas e montanhosas, onde o técnico enfrenta dificuldades para chegar. Outra vantagem é que com poucos minutos é possível fiscalizar uma grande área, que levaria dias para ser fiscalizada por terra. Quero agradecer ao Ministério Público, que é um grande parceiro do Idaf, em nome da promotora Dra. Bruna Legora de Paula Fernandes, pelo empenho para a doação dos drones”, disse o diretor-presidente do Idaf, Mário Louzada.  

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.