BANNER BANESTES

 

Mais cinco municípios da Região Sul de Saúde iniciam a operacionalização do SAMU 192

Mais cinco municípios da Região Sul de Saúde, compreendidos pelo CIM Polo Sul, iniciaram as atividades do Serviço de Atendimento de Urgência e Emergência (SAMU 192) no início desta semana. São eles: Presidente Kennedy, Alegre, Vargem Alta, Ibitirama e Muniz Freire.

A expansão faz parte do programa estadual “Samu para Todos”, que tem como objetivo garantir assistência pré-hospitalar móvel de urgência à população. Para a execução das atividades nesses municípios, o Governo do Estado repassará, mensalmente, cerca de R$ 118 mil, referentes aos 60% de custeio. Os outros 40% são de responsabilidade do município.

Atualmente, essa atividade está presente em 56 cidades capixabas, representando cobertura populacional de 87,24%. O superintendente da região Sul, José Maria Justo, destaca a importância dessa implantação e como essa ação ajuda a salvar vidas.

“Mais essa implantação na nossa região é muito importante para aumentar a cobertura, garantir o acesso mais rápido aos serviços de urgência e emergência de forma qualificada e organizada. Esse processo representa vidas salvas, que o Governo do Estado vem preconizando desde o início da gestão”, ressaltou.

SAMU para Todos

O Governo do Estado instituiu em 2019, por meio do Decreto Nº 4548-R, a política estadual para a Rede de Urgência e Emergência, do componente Serviço Móvel de Urgência (SAMU 192), denominada de “SAMU para Todos”.  O programa é uma estratégia de fortalecimento da regionalização e municipalização do SUS com a ampliação da governança e coparticipação tripartite da expansão do SAMU 192 para todo o território do Espírito Santo.

Quando acionar o SAMU 192

Saber como e quando acionar o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência contribui para que ele possa cumprir sua função principal, que é prestar socorro à população em casos de risco à vida. Ao acionar o serviço, é preciso que a pessoa esteja ao lado do paciente para que seja garantido um atendimento ágil e adequado à situação. Em alguns casos, o acompanhante mesmo pode iniciar o atendimento com orientação do médico regulador até que o socorro chegue ao local.

O SAMU 192 realiza atendimento pré-hospitalar com prioridade para casos de risco à vida, por isso as pessoas não devem passar trotes nem ocupar as linhas telefônicas para solicitar atendimentos que não tenham esse foco.

Acione o serviço em casos de:

– Parada cardiorrespiratória;

– Dor forte no peito (infarto);

– Dificuldade de respirar/engasgo;

– Suspeita de acidente vascular cerebral (derrame);

– Intoxicação (envenenamento);

– Queimadura grave;

– Choque elétrico;

– Acidente de trânsito com vítima;

– Queda grave e fratura;

– Afogamento;

– Surto psiquiátrico;

– Ferimento causado por arma de fogo ou arma branca.

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *