BANNER SEDU

 

Oitavo lote do Cartão Reconstrução será pago a partir desta sexta-feira (21)

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Trabalho, Assistência e Desenvolvimento Social (Setades), libera, a partir desta sexta-feira (21), o oitavo lote do Cartão Reconstrução. O benefício corresponde ao valor de R$ 3 mil, pago em parcela única. A lista atualizada já está disponível e pode ser consultada no site www.setades.es.gov.br.

No total, o Governo do Estado já liberou 10.796 benefícios, em um investimento de mais de R$ 32 milhões, que atenderam moradores de 18 municípios capixabas, sendo eles: 2.438 moradores de São Mateus; 1.550, de Viana; 2.061, de Linhares; 1.917, de Cariacica; 159, de João Neiva; 935, de Aracruz; 67, de Vila Pavão; 223, de Fundão; 55, de Santa Leopoldina; 250, de Jaguaré; 61, de Pedro Canário; 64, de Sooretama; 316, de Mimoso do Sul; 22, de Ibiraçu; 61, de Nova Venécia; 7, de Vila Valério; 115, de São José do Calçado; e, 495, de Bom Jesus do Norte.

Quem está com o nome na lista, deve se dirigir a uma agência do Banco do Estado do Espírito Santo (Banestes), portando documento oficial com foto, para retirar o Cartão Reconstrução.

Em algumas agências do Banestes, onde o volume de cartões a serem retirados é muito alto, a entrega será organizada por meio de cronograma. Dessa forma, os beneficiários devem entrar em contato com a Secretaria Municipal de Assistência Social para saber quando poderão retirar o benefício. Nos municípios onde há mais de uma agência do Banestes, o beneficiado deve se dirigir à agência central. A lista com os endereços das agências onde é possível retirar o cartão no seu município pode ser acessada aqui: https://setades.es.gov.br/cartao-reconstrucao-perguntas-e-respostas.

O morador que está dentro das normas de concessão terá acesso ao benefício. Porém, quem ainda não foi contemplado com o benefício, deverá aguardar, pois os lotes continuarão sendo pagos até que todas as pessoas que têm direito recebam o benefício.

Quem tem direito ao Cartão Reconstrução?

Todas as famílias residentes nos municípios atingidos pelas chuvas e que decretaram situação de emergência ou calamidade pública, homologadas pelo Estado, têm direito ao benefício. Além de residirem nesses municípios, as famílias precisam atender aos seguintes critérios: ter o cadastro no CadÚnico, com dados atualizados nos últimos 24 meses; ter renda familiar mensal de até 3 salários mínimos; ter os danos causados pelas chuvas comprovados pela Defesa Civil, pelo Corpo de Bombeiros ou pela Secretaria Municipal de Assistência Social.

O Cartão Reconstrução é um benefício no valor de R$ 3 mil, criado para atender famílias atingidas pelas fortes chuvas no Estado. O auxílio, pago em valor único (sem parcelamento), é voltado para ajudar as famílias a adquirir móveis, eletrodomésticos, roupas, alimentos, material de construção ou qualquer item que a família entenda como prioritário. Os pagamentos serão feitos em um lote mensal, até que todas as famílias com direito tenham acesso ao benefício.

A Setades informa que o período abrangido pela lei do Cartão Reconstrução é válido para as perdas em decorrência das chuvas ocorridas entre novembro de 2022 e março de 2023. Portanto, todos os municípios com decretos de calamidades homologados pelo Estado e os beneficiários que atendam aos critérios legais de recebimento, dentro desse período, terão acesso ao benefício. Para consultar a lista, é necessário estar com o número do NIS em mãos. A listagem está disponível no site da Setades: www.setades.es.gov.br.

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *