BANNER SECOM

 

Casagrande viaja à Escócia representando os governadores na COP-26

O governador do Espírito Santo, Renato Casagrande, viaja nesta sexta-feira (29) para a Escócia, no Reino Unido, onde participa da 26° Conferência das Nações Unidas para a Mudança Climática (COP-26), na cidade de Glasgow, entre os dias 31/10 e 5/11. O governador capixaba foi eleito, por unanimidade, presidente do Consórcio Brasil Verde, que já conta com 22 governadores e será oficializado no mês de novembro. Casagrande retorna ao Estado no próximo sábado (06).

Também integram a comitiva capixaba o secretário de Estado de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Fabricio Machado, e a diretora presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito Santo (Fapes), Cristina Engel.

Antes da viagem, o governador fez a transmissão do exercício do cargo para a vice-governadora Jacqueline Moraes, durante solenidade realizada em Vila Velha, em que foram anunciados investimentos em infraestrutura urbana. É a terceira vez que Jacqueline Moraes assume o governo interinamente. As duas primeiras foram em viagens de Casagrande à Itália e Portugal, ambas em missões oficiais como chefe do Executivo estadual.

Em sua fala, a vice-governadora Jacqueline Moraes destacou mais este momento. “Governador, a minha palavra aqui é de gratidão à Deus, pela sua vida, pela sua decisão de governar o Estado olhando para a ciência. O senhor é um homem que valoriza as mulheres que estão ao seu lado. Eu sou testemunha que isso não é mera coisa de palanque. Em qualquer lugar, as mulheres são valorizadas. Sou muito grata ainda por ver canteiros de obras nos 78 municípios capixabas. E agora por ver o senhor presidir a coalizão de governadores e indo à Escócia para tratar de um tema que é importante para todos nós: o meio ambiente. Como bom engenheiro florestal que é, você está no lugar. E viaje tranquilo, que nós estaremos aqui cuidando do Espírito Santo”, declarou.

Em solo escocês, Casagrande terá a missão de apresentar o modelo inédito de criação do Consórcio Brasil Verde. É a primeira vez que os entes subnacionais criam um consórcio nacional na área ambiental. Para Casagrande, a COP-26 é o momento de os entes subnacionais apresentarem ao mundo o consórcio, que é presidido pelo governador capixaba. 

“A COP-26 será uma boa oportunidade para levarmos as ações que estamos fazendo aqui no Espírito Santo dentro do Programa Estadual de Mudanças Climáticas, mas especialmente, vou levar, enquanto presidente do Consórcio Brasil Verde, que é a coalizão dos Governadores pelo Clima, o nosso modelo de governança. Pela primeira vez, o Brasil tem uma organização dos entes subnacionais tratando de um tema importante e que vai permitir que possamos trabalhar para dentro dos nossos estados com ações que têm objetivo de reduzir as emissões, como obras de adaptações às mudanças climáticas e ações mais contundentes na área de prevenção”, destacou Casagrande.

O governador capixaba acredita que o Consórcio Brasil Verde possa ser um grande articulador para que os Estados alcancem as metas assumidas pelo País. “Ao mesmo tempo o consórcio será de grande articulação nacional e internacional para podermos ajudar o Brasil no alcance das metas que o Brasil irá assumir na Conferência das Partes, na Escócia. É papel dos Estados colaborarem no alcance das metas para gente poder trabalhar para dar sustentabilidade ao planeta. Vamos fazer muitos contatos e trocar experiências que irão ajudar nas nossas ações daqui para frente”, afirmou.

Para o secretário de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, o protagonismo do movimento dos Governadores pelo Clima e viabilização do Consórcio Brasil Verde têm como foco garantir uma agenda climática sustentável, assim como um modelo de governança forte e representativo.

“Ao iniciarmos os diálogos com os vários organismos nacionais e internacionais, com a sociedade civil, com os órgãos estaduais de meio ambiente de todo País, além de líderes políticos e CEO´s pelo mundo, o objetivo foi de articular uma rede de boas práticas em ações transversais para o enfrentamento aos efeitos das mudanças climáticas. E não só isso, mas também de construir novos mecanismos para captar recursos, na celeridade no cumprimento das metas estabelecidas em conferências de clima e também estimular investimentos em conhecimento científico e inovação no território brasileiro. Na COP-26 estamos enxergando este horizonte positivo e vemos o Espírito Santo protagonizando uma mudança transformadora nos governadores brasileiros, endossada com a criação do Consórcio”, analisou Fabricio Machado.

Ao todo, dez governadores brasileiros deverão estar presentes na COP-26:

Renato Casagrande (ES): 31/10 a 05/11
João Dória (SP): 31/10 a 03/11
Eduardo Leite (RS): 02 a 05/11
Carlos Moisés (SC): 06 a 10/11
Mauro Mendes (MT): 01 a 07/11
Wellington Dias (PI): 07 a 12/11
Paulo Câmara (PE): 06 a 10/11
Hélder Barbalho (PA): 05 a 11/11
Camilo Santana (CE): 31/10 a 01/11
Romeu Zema (MG): 10 a 13/11

Missão oficial

A agenda do governador Renato Casagrande terá início no domingo (31) com a participação na Coletiva de imprensa “Dia Mundial das Cidades”, na Blue Zone e no World Leaders Summit, eventos organizados pelo Grupo C40 de Grandes Cidades para a Liderança Climática, no qual o Governador terá a oportunidade de falar sobre o Consórcio Brasil Verde, o programa capixaba de mudanças climáticas e o programa Reflorestar que já recuperou mais 10 hectares de mata atlântica. 

Na próxima segunda-feira (1º), Casagrande participa do Encontro de Governadores e Prefeitos da América Latina com a Sociedade Civil – Brazil Climate Action Hub -, representando o Consórcio Brasil Verde e os demais governadores brasileiros. Já na terça-feira (02), o capixaba participa do Race to Zero Announcement. O Espírito Santo aderiu oficialmente às campanhas “Race to Zero” (Corrida para o Zero) e “Race to Resilience” (Corrida para a Resiliência), da Organização das Nações Unidas (ONU), em agosto deste ano, visando à redução de emissões de gases de efeito estufa e à resiliência climática. Na sequência, o governador participa do Latin America Session at LGMA Pavilion, um local para troca de experiências, onde vai expor os programas de sucesso na área ambiental no Espírito Santo.

Na quarta-feira (03), Casagrande e os demais chefes dos Executivos estaduais presentes no evento participam do Governadores pelo Clima. Na ocasião, os governadores brasileiros exporão suas experiências com a liderança subnacional na agenda política climática. O capixaba vai apresentar ainda o Portfólio de Projetos Regionais em Clima. Ainda na quarta-feira, o governador do Espírito Santo participa do Catapult Dinner, um evento que reúne players importantes, em que os governos vão apresentar os projetos para arrecadação de fundos de investidores.

Na quinta-feira (04), o governador capixaba participa do painel “Clima e Desenvolvimento: Visões para o Brasil 2030”. Nos tempos livres, Casagrande também fará reuniões e contatos na Green Zone. Mais agendas estão sendo providenciadas e podem surgir durante a semana na Escócia.

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.